Sabor de Caju

Sabor do Cajú

Hoje comi um caju…
Ora, e vejam só, que sabor especial
É néctar de nostalgia, de infância, de um passado vivo
um sabor que remonta aos terreiros do sertão,
habitat da poesia,
berço salutar da simplicidade, dos carinhos da vovó.
Carreiras de pés descalços sobre a relva,
terraço dos animais…
Sabor de paz, de felicidade e gratidão.
Nunca mais verão outra forma de viver,
Nunca mais virão dias tão longos de inspiração…
O orvalho das manhãs,
O assoviar matutino do corrupião,
jamais esquecido pelo menino,
filho pródigo do sertão.

Hênio Aragão

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: